Bolsa Família Lista de Aprovados

Consultar Lista de Aprovados Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de assistência social fomentado pelo Governo Federal. Por meio dele são repassados valores a famílias que vivem em situação de extrema pobreza, visando a melhoria da qualidade de vida dessas pessoas.

lista-de-aprovados-bolsa-familia

Quer saber se está na lista dos beneficiários do Bolsa Família? A lista é de acesso público, logo todas as pessoas podem consultá-la pela internet. Nela estará toda a relação de beneficiários do Bolsa Família por município, bem como os valores recebidos por cada um destes.

Aliás, a Lei Federal n° 10.836/2004 exige que seja pública os nomes aprovados dos beneficiáriosdo Bolsa Família Caixa Econômica.

Anualmente o Governo Federal atualiza a lista Bolsa Família, pois algumas pessoas pedem o benefício e outras deixam de recebê-lo, caso descumpram os requisitos do programa ou melhorem a sua situação financeira.

Bolsa Família Lista de aprovados

A lista de beneficiários Bolsa Família é pública porque pretende ser uma forma fácil e descomplicada para que toda a sociedade possa monitorar o pagamento dos benefícios. E, claro, para que os próprios beneficiários saibam se vão continuar recebendo os valores assistenciais do Governo Federal.

É muito importante que a Bolsa Família – Lista de Aprovados seja acessível por todos para evitar os casos de fraude. Qualquer pessoa do povo pode realizar denúncias ligadas ao recebimento de benefícios.

Infelizmente não é incomum ver nos meios de comunicação de massa (como rádio, jornais, televisão e internet) casos de pessoas que não vivem na extrema pobreza, mas que recebem o benefício do Governo Federal. As denúncias são facilitadas justamente por conta dessa “monitorização” da lista de aprovados Bolsa Família, realizada pela sociedade.

Informações Bolsa Família – nomes aprovados

Compete a cada município brasileiro realizar a divulgação da lista de pessoas beneficiadas pelo Bolsa Família.

Mas não se preocupe, os dados informados pelo Governo Federal na lista Bolsa Família são, em regra, o nome do beneficiário, o Número de Identificação Social (também chamado pela sigla NIS), além do valor do benefício recebido.

A divulgação da lista ocorre mensalmente para a inserção do nome dos novos beneficiários do Programa Bolsa Família do Governo Federal.

bolsa-familia-lista-de-aprovados

Como consultar lista dos beneficiários do Bolsa Família na internet

É bem simples consultar online a lista Bolsa Família. Você pode acessar a Consulta Pública Bolsa Família usando o navegador “Internet Explorer” (é o único em que o site funciona), entre no site dos Benefícios Sociais da Caixa Econômica Federal: www.beneficiossociais.caixa.gov.br/consulta/beneficio/04.01.00-00_00.asp.

Acesse: Consulta Pública do Bolsa Família

Depois, você poderá consultar por Estado (ou “UF”), por município ou por família, bem como o mês de pagamento a que se referir a sua consulta. Tenha em mãos o seu Número de Identificação Social (NIS), o nome do responsável familiar e o seu nome completo para conseguir acessar a consulta.

Logo em seguida, você poderá fazer o download da lista completa do Bolsa Família com os nomes dos responsáveis pelas famílias do seu município que foram aprovados para receber o benefício. Como se pode ver, é muito fácil acessar a Bolsa Família Lista de Aprovados.

Bolsa Família Atualizar Cadastro

Atualização de Cadastro Bolsa Família

Este procedimento de atualizar o cadastro no bolsa família, é um procedimento essencial, para quem se beneficia deste programa social, e que pretendem continuar usufruindo deste benefício.

bolsa-familia-atualizar-cadastro

O procedimento de atualizar o cadastro no bolsa família é feito periodicamente, pelo Ministério do Desenvolvimento Social, para constatar, que apenas realmente quem é beneficiário deste programa, está recebendo os recursos ofertados por ele, evitando que aconteça o gasto maior do que o preciso pela união.

 

A cada ano o governo federal, cruza todas as bases de dados do bolsa família e de outros dados do governo, para conseguir constatar, se não ocorre nenhuma discrepância entre esses dados que são apresentados quando cada pessoa, vai realizar o seu cadastramento no bolsa família, esse cruzamento, ocorre para todos os beneficiários, que já estão cadastrados há mais de 2 anos no programa, e esse procedimento é chamado Averiguação cadastral.

E se as informações que forem cruzadas pelo governo, não coincidirem com as citadas em seu cadastro feito no bolsa família, o beneficiário irá ter que automaticamente ir atualizar o cadastro.

Quando atualizar o cadastro do Bolsa Família?

Quando for necessário a atualização de cadastro, a família será informada através de uma carta do Ministério do Desenvolvimento Social, e também do extrato que é emitido pelo beneficiário.

Então, se qualquer um desses dois documentos, vierem com as palavras, Averiguação Cadastral, será necessário atualizar o cadastro no bolsa família.

E para quem é beneficiário de outro programa social, mesmo que não seja o do bolsa família, também será necessário atualizar seu cadastro, no sistema, para garantir que o recebimento do benefício possa continuar normalmente.

Como Atualizar o Cadastro do Bolsa Família

Para atualizar o cadastro no bolsa família, é preciso ir ao órgão responsável pelo cadastro das famílias de cada município, e os documento que precisam ser levados, são os mesmos solicitados quando ocorreu o primeiro cadastramento no programa. Em alguns casos, pode ser que o assistente, solicite mais documentos, para ocorrer a comprovação da renda do beneficiário, neste tipo de caso, se torna obrigatório a apresentação desses documento, para que ocorra a garantia do recebimento das próximas parcelas do programa bolsa família.

bolsa-familia-atualizacao-cadastral

Se você não atualizar o cadastro no bolsa família, quando ele é requerido, o que acontece posteriormente, é o bloqueio do seu benefício, e não se pode pagar as próximas parcelas, até que ocorra a regularização dos débitos que se encontram em atraso.

Documento para atualizar o cadastro no bolsa família

Quando ocorrer o comparecimento ao órgão responsável do programa no município, é necessário a apresentação dos mesmos documentos, que foram levados quando ocorreu o primeiro cadastramento no programa, como foi citado acima, que são eles:

-CPF ou também pode ser o título de eleitor do membro da família no qual está cadastrado o benefício do bolsa família.

-Cartão do bolsa família.

-Para todos os membros que estão cadastrados é preciso levar algum documento para identificação.

-Comprovante de residência.

-Comprovante de matrícula das crianças cadastradas.

-Um número de telefone com a finalidade de que os assistentes possam ligar para você.

Receber Bolsa Família Antecipado

Antecipação do Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de assistência social que pretende repassar quatro tipos diferentes de ajuda financeira para famílias brasileiras de baixa renda ou em situação de extrema pobreza, para que elas possam ter condições de vida melhores.

bolsa-familia-antecipado

Os valores do Bolsa Família variam de R$ 18,00 a R$ 58,00 e os benefícios são cumuláveis entre si, ou seja, muitas famílias poderão receber mais de um dos 4 benefícios caso preencham os requisitos para a obtenção de cada um deles.

Serão beneficiadas famílias que: estejam em situação de extrema pobreza ou que tenham crianças e adolescentes de 0 (zero) a 15 (quinze) anos de idade e/ou renda per capita mensal de até R$ 70,00; tenham gestantes, nutrizes, crianças entre 0 (zero) e 12 (doze) anos ou adolescentes até 15 (quinze) anos ou que tenham adolescentes com idade entre 16 (dezesseis) e 17 (dezessete) anos.

Embora haja prazos já definidos pelo Governo Federal para que as famílias beneficiárias recebam os valores, muitas pessoas têm dúvida se é possível sacar o Bolsa Família antecipado.

Como sacar Bolsa Família antecipado

Sobre o questionamento de como tirar Bolsa Família antes, a resposta é: sim, é possível! Entretanto, existem algumas condições que devem ocorrer para que se possa retirar o Bolsa Família antes para ser usado por famílias carentes ou em extrema situação de pobreza.

A Lei do Bolsa Família (Lei n° 10.836/2004) dispõe que os valores e os prazos estipulados para o pagamento do benefício podem ser alterados nos casos de calamidade pública ou de situação de emergência (como em desastres que causam danos sérios) e que sejam reconhecidos pelo Governo Federal.

É possível sacar o Bolsa Família antes data, por exemplo, se infelizmente acontecer uma chuva que deixe muitas pessoas desabrigadas de suas casas. Nesses casos, não é raro ver notícias em jornais, revistas e internet que avisem os beneficiários de determinado Estado onde aconteceu algum problema para que eles possam receber antecipado o Bolsa Família.

antecipacao-bolsa-familia

Prazo para sacar Bolsa Família

Caso tenha ocorrido algum problema na região em que você mora, verifique através da internet a respeito da liberação do Bolsa Família antes do prazo.

Não se esqueça de que o benefício fica disponível para saque por você por até 90 (noventa) dias, ou seja, de 3 (três) meses após a data em que ele foi liberado pelo Governo Federal. Caso você não retire o dinheiro antecipado do Bolsa Família, ele será bloqueado.

Para ter acesso ao benefício novamente você terá que justificar a razão pela qual deixou de usufruir do valor. Se não for a primeira vez que o seu benefício foi bloqueado, você correrá o risco de que ele seja suspenso por prazo indeterminado.

Consulta Bolsa Família liberado

Desse modo, fique sempre atento à ocorrência das causas que permitem sacar o Bolsa Família antes do prazo. Caso você tenha mais alguma dúvida entre no site da Caixa Econômica Federal e confira agora mesmo para saber se o benefício Bolsa Família antecipado já foi liberado para sacar: www.beneficiossociais.caixa.gov.br

Escola da Família 2018 – Inscrição

Inscrições Escola da Família 2018

O programa Escola da Família 2018 vem ajudado muitos estudantes a realizar o sonho de entrar em uma universidade particular de graça. Confira a seguir informações de como você pode fazer para se inscrever no Escola da Família 2018.

escola-da-familia

O excelente programa lançado pelo governo do estado de São Paulo em 2004, além de ajudar os jovens que querem entrar em uma universidade mais não tem condições, também garante os alunos da rede publica de ensino tenham contato com palestras, aulas de reforço dadas pelos próprios beneficiados do programa, professores e voluntários. Em poucas palavras o Escola da Família é uma bolsa de estudos paga com aulas voluntarias. As aulas são dadas aos fins de semana e devem somar 12 horas por final de semana. Além de ser uma ótima experiência a ser posta no currículo do beneficiado pelo programa também o mantém dentro do projeto.

Com isso o governo consegue ajudar no crescimento intelectual desses jovens tanto aqueles que já concluíram o ensino médio, e estão lutando para entrar em uma boa universidade, como aqueles que estão ainda no caminho de conclusão do ensino fundamental e médio, principalmente esses que ainda estão na rede publica onde o tempo dedicado ao lazer e cultura são insuficientes ou nulos. As escolas beneficiadas se organizam suas atividades em quatro eixos: esporte, cultura, saúde e trabalho.

Além de proporcionar atividades esportivas, educacionais, de arte e cultura para a comunidade, o Escola da Família proporciona aos estudantes que trabalham nos finais de semana na escola permitem que estes frequentem gratuitamente as universidades privadas (sendo que 50% do valor da mensalidade são pago pela própria universidade e os 50% restantes é pago pelo Governo do Estado de São Paulo).

Escola da Família 2018 Regras

Apenas os alunos que cursaram o ensino médio completo em uma rede municipal ou estadual do estado de São Paulo podem participar do projeto. Existem as exceções, que são os alunos que participaram das instituições Cefam (Centro Especifico de Formação e Aperfeiçoamento de Magistério), E.T.E. (Escola Técnica Estadual), formandos do programa Escola da Juventude e supletivo presencial obrigatório (desde que seja em uma escola estadual ou municipal). O candidato deve estar devidamente matriculado em uma universidade privada, e não estar recebendo nenhum benefício para pagar a mensalidade, além de tempo e interesse para participar do programa Escola da Família.

escola-da-familia-inscricoes

Escola da Família 2018 Inscrição

As inscrições do Escola da Família 2014 são feitas uma vez ao mês, e os pedidos podem ser feitos pela internet, dentro do pedido de solicitação da bolsa por noticias publicadas no site da Escola da Familia: http://escoladafamilia.fde.sp.gov.br. O candidato deve fazer seu cadastro tendo seu CPF em mãos e preencher todos campos e gravando informações ao fim de cada pagina. No fim de todo o processo imprima o protocolo de inscrição e entregue juntamente com a documentação descrita no protocolo da instituição de ensino escolhida.

Em torno de 13 mil universitários paulistas dedicam seus fins de semana ao programa. Você também pode ser um deles, e mudar sua vida para melhor através dessa oportunidade do governo de São Paulo.

Caso se interesse ser voluntário no Escola da Família, você deve preencher um termo de adesão que consta no site acima informando seus dados pessoais e suas intenções em participar deste projeto. Depois, entre em contato com a escola participante de sua escolha e a equipe entrará em contato com você. Para consultar as escolas participantes do programa acesse www.educacao.sp.gov.br/escoladafamilia/escolas/perto-de-voce.

Consulta Número Bolsa Família Cartão Cidadão NIS

Bolsa Família Número do Cartão Cidadão

Você é beneficiário do Bolsa Família e não sabe o Número do NIS e precisa desta informação?  Este número é importante, pois permite que a pessoa seja identificada assim como a unidade familiar que é assistida pelo Bolsa Família assim como outros benefícios.

consulta-nis-numero-bolsa-familia

O NIS (número de Identificação Social) é composto de 11 dígitos e funciona como um registro do beneficiário no Bolsa Família, uma espécie de “CPF da família”. Todas as operações dentro do programa Bolsa Família utiliza este número.

Como encontro o número do NIS?

Ele está na minha carteira do Bolsa Família. Sim, ele está impresso no cartão do Bolsa Família ele fica localizado logo após o nome do Responsável Familiar e apresenta 13 números, mas apenas os 11 primeiros é que correspondem ao NIS. Os outros 2 números é referente à via do cartão (se for à primeira via apresentará a numeração final 01 e assim por diante).

Caso você tenha tido o cartão cidadão antes do benefício do Bolsa Família, o número do NIS é aquele que está registrado no primeiro cartão. Essa mesma numeração do NIS está presente no seu PIS.

consulta-numero-bolsa-familia

Agora se você não tem o número do NIS, nem a carteira do Bolsa Família ou o cartão Cidadão, você pode consultar o número do NIS pela internet. Você pode consultar através do site do Bolsa Família, digitar o nome do beneficiário e clicar no botão “Consultar”. Outra forma de consulta é através do Portal da Transparência onde você pode verificar o número completo, bem como os valores recebidos pela pessoa. Para isso acesse: o Portal da Transparência visualize “Transferência de Recursos” e escolha o ano de exercício; marque a opção “por Favorecido” e selecione “Pessoa Física”. Finaliza clicando em “Consultar”. Mostrará o número do NIS.

Número NIS Consulta

O número do NIS é necessário inclusive para sacar o benefício do Bolsa Família. O pagamento do mesmo acontece através de um calendário de pagamento e leva em consideração o número final do NIS. Por exemplo, os beneficiários com o final do NIS em 1, o pagamento é realizado dia 18 de julho; NIS final 2, o benefício será pago dia 19 de julho. Por isso, importante ter o número de NIS para consultar o calendário de pagamento do Bolsa Família.

Cadastro Número NIS

O cadastro do NIS é feito, pela primeira vez, pelo trabalhador, junto a secretaria regional do Ministério do Trabalho, ou na Caixa Econômica Federal e somente com ele é possível fazer sua carteira do trabalho. Outra forma que é obtido o NIS é através do trabalho de carteira assinada, que deve informar seu NIS para a formalização do contrato de trabalho.

numero-nis-cartao-cidado

O Bolsa Família é um programa do Governo Federal uma das iniciativas que promove o combate à pobreza e visa à distribuição de renda para famílias em estado de pobreza ou extrema pobreza. Este benefício é pago mensalmente aos beneficiários através da Caixa Econômica Federal. Além da renda distribuída, o programa dá o acesso garantido da população à educação, saúde e assistência social. Atualmente o programa atende cerca de 14 milhões de famílias.

Calendário de Pagamento Bolsa Família 2018

Bolsa Família 2018 Calendário de Pagamento

O maior programa social emplacado pelo Governo Brasileiro em todos os anos da sua história. Um sistema extremamente complexo, que disponibiliza renda para pessoas que vivem abaixo da linha da pobreza. Uma estrutura coordenada pela equipe econômica do governo e subsidiada ao maior Banco Público do Brasil: a Caixa Econômica Federal. Um programa que atende mais de 13 milhões de pessoas, dando-lhes um pouco mais de tranqüilidade e qualidade de vida. Estamos falando sobre o Bolsa Família.

calendario-pagamento-bolsa-familia

Muitas pessoas o criticam como se fosse um desperdício de dinheiro público. Outras afirmam que se trata de um programa que colabora com a marginalidade, já que acomoda as pessoas a nunca lutarem para mudar de vida devido às esmolas que recebe.

Mas a verdade é que esse programa faz uma diferença enorme na vida de brasileiros e brasileiras que o utilizam como forma de ajustar melhor as contas e de viver com um pouco mais de dignidade.

Entretanto, é preciso ter um pouco de cuidado quanto ao calendário de pagamento do Bolsa Família porque senão você pode acabar ficando sem o seu benefício. Por isso, vamos lhe apresentar detalhadamente os dias de liberação do pagamento e qual a melhor forma de você fazer o resgate. Quer ficar por dentro e não correr o risco de perder o dia? Então veja o que temos a lhe explicar sobre o assunto!

Acompanhe aqui todas as informações sobre o Calendário de Pagamento Bolsa Família 2018 e não deixe de resgatar seu beneficio na data certa para que possa usufruir de seu pagamento.

Datas de Pagamento Bolsa Família 2018

O Bolsa Família é um programa do Governo Federal, criado no ano de 2003, pelo até então Presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, que oferece um benefício mensal em dinheiro para famílias cadastradas no programa através de um cartão no tipo cartão de banco. Esse beneficio tem o objetivo de ajudar estudantes que estão na categoria de baixa renda, dando-lhes a oportunidade de poderem comprar seus materiais escolares e também estudarem sem precisar que se submetam ao trabalho infantil, como é registrado em várias partes do país entre as famílias mais pobres.

Com ajuda financeira que vem do Bolsa Família 2018, muitas famílias estão satisfeitas, pois vão poder ver seus filhos concluindo os estudos sem ter que se preocupar com os gastos que eventualmente teriam com a escola. Esse benefício acaba atendendo também outras necessidades da família de baixa renda como sua alimentação e saúde.

bolsa-familia-calendario-de-pagamentos

Apesar de receber duras críticas desde a sua criação, o Programa Bolsa Família já faz parte da vida de mais de 11 famílias brasileiras e é impossível que essas famílias possam se imaginar sem essa ajuda que é muito bem vinda todos os meses. O Calendário de Pagamento Bolsa Família 2018, só vem confirmar que esse benefício continuará evoluindo e tirando muitas famílias da linha de pobreza.

Calendário Bolsa Família 2018

Sobre o calendário de pagamentos 2018 do Bolsa Família, você pode conferir as datas em que os pagamentos de seu carta serão pagos. Basta consultar a tabela procurando o último número de seu cartão Bolsa Família e percorrer até a data de cada mês em que você poderá sacar o dinheiro.

Calendário de Pagamento Bolsa Família
Mês do Benefício Cartão Terminado em:
1 2 3 4 5 6 7 8 9 0
Janeiro 18/01 19/01 20/01 23/01 24/01 25/01 26/01 27/01 30/01 31/01
Fevereiro 14/02 15/02 16/02 17/02 22/02 23/02 24/02 27/02 28/02 29/02
Março 19/03 20/03 21/03 22/03 23/03 26/03 27/03 28/03 29/03 30/03
Abril 17/04 18/04 19/04 20/04 23/04 24/04 25/04 26/04 27/04 30/04
Maio 18/05 21/05 22/05 23/05 24/05 25/05 28/05 29/05 30/05 31/05
Junho 18/06 19/06 20/06 21/06 22/06 25/06 26/06 27/06 28/06 29/06
Julho 18/07 19/07 20/07 23/07 24/07 25/07 26/07 27/07 30/07 31/07
Agosto 20/08 21/08 22/08 23/08 24/08 27/08 28/08 29/08 30/08 31/08
Setembro 17/09 18/09 19/09 20/09 21/09 24/09 25/09 26/09 27/09 28/09
Outubro 18/10 19/10 22/10 23/10 24/10 25/10 26/10 29/10 30/10 31/10
Novembro 19/11 20/11 21/11 22/11 23/11 26/11 27/11 28/11 29/11 30/11
Dezembro 10/12 11/12 12/12 13/12 14/12 17/12 18/12 19/12 20/12 21/12

*Você deve verificar se a tabela está atualizada, a cada ano muda as datas. Lembrando que essa acima é do ano passado, em breve atualizaremos para a tabela do bolsa família 2018.

Para obter todos os detalhes que precisa saber sobre a liberação do pagamento de seu benefício do Bolsa Família no ano de 2018 e tirar outras dúvidas, além de ver o calendário desse ano completo e atualizado, você pode acessar a seguinte página: www.caixa.gov.br/Voce/Social/Transferencia/bolsa_familia/calen_pag.asp. Lembrando que essa tabela foi do ano anterior e poderá sofrer alterações no decorrer do ano, portanto sempre faça uma consulta do Bolsa família antes.

Este calendário além de auxiliar na organização de ambas as partes, serve para evitar o acumulo de filas nas agencias da Caixa Econômica Federal, tomando o tempo das pessoas. Também para organizar o horário de trabalho dos funcionários do banco, podendo atender todas as pessoas em um determinado período, sem deixar de dar atenção às pessoas que não puderam retirar em um determinado dia.

Prazos para Receber o Bolsa Família

Todas as pessoas que recebem o Bolsa Família precisam ficar atentas aos prazos, pois somente possuem o total de 90 dias para poder retirar o seu beneficio. Passados estes dias o mesmo não pode mais ser retirado, e as pessoas acabam perdendo simplesmente por não saberem o prazo correto para a retirada. Em todos os casos, o beneficio pode ser consultado pela internet no site da Caixa Econômica Federal, com isso, o risco de perder o prazo fica muito baixo.

Teste do Pezinho Gratuito

Onde Fazer Teste do Pezinho Grátis Ministério da Saúde

Previna muitas das doenças do recém-nascido fazendo o Teste do Pezinho de forma gratuita. Veja por que fazer o Teste do Pezinho.

A triagem neonatal é popularmente conhecida como Teste do Pezinho, realizado a todos os recém-nascidos, para poder tratar doenças que podem comprometer até a vida dos bebês, e quanto mais antes possível puder ser constatada, melhores serão os tratamentos para evitar que a saúde dos mesmos esteja comprometida.

teste-do-pezinho

Pela importância que o Teste do Pezinho possui na vida dos bebês, o governo tem liberado a realização deste exame de forma gratuita, em todos os estados do país. Este Teste do Pezinho gratuito precisa ser feito até o quinto dia de vida do bebê, pois é o período em que podem ser constatadas as doenças de forma preços.

Não somente até o quinto dia de vida do bebê, como também existe um período mínimo de 48 horas que o recém-nascido precisa ter antes de realizar o teste. Pois para que os resultados possam ser colhidos e identificados de forma correta, o mesmo precisa ter se alimentado antes, caso contrário, os resultados podem ser comprometidos. Mesmo que o bebê tenha se alimentado com uma pequena quantidade, após a sua primeira alimentação o mesmo já pode fazer o teste.

As principais doenças que podem ser evitadas com o Teste do Pezinho são: a fenilcetonúria, a deficiência da biotinidase, o hipotireoidismo congênito, a hiperplasia adrenal congênita, e outros problemas intelectuais que podem parecer invisíveis ao nascimento, já que não possuem sintomas, e mesmo assim podem causar sérios prejuízos para a qualidade de vida da criança quando mais madura.

Como funciona o Teste do Pezinho

Como geralmente é realizado com o bebê recém-nascido, são realizadas algumas coletas de gotas de sangue do calcanhar da criança. Essas gotas são colocadas em um papel diferente, que é mandando para análise e posteriormente podem ser consultados os resultados.

teste-do-pezinho-gratuito

Bem diferente de outros exames, existe outro exame no qual os médicos pintam um papel com tinta colocada no pezinho do bebê, a fim de colocar uma impressão digital do pé da criança. Este teste é diferente do Teste do Pezinho, porém muitas pessoas costumam confundir os dois exames.

O teste também não transmite muita dor, pois apenas são coletadas algumas gotas de sangue, por isso é feito com uma agulha que não chega a danificar a pele de forma intensa. É importante lembrar que este exame é realizado de forma gratuita, tanto nos hospitais de origem pública, como nos particulares, em todos os planos de saúde.

Não deixe de fazer o Teste do Pezinho gratuito no seu bebê recém-nascido, pois em algumas clinicas o mesmo pode diagnosticar até 50 doenças diferentes, apenas em um exame. Apesar da pequena dor que a criança irá sentir, este exame pode prevenir várias doenças, e até salvar a vida dele. Os resultados costumam demorar até 30 dias para ficarem prontos, por tanto, é preciso aguardar pacientemente para uma nova consulta ao médico.

Bolsa Família 2018 – Consulta

Consulta Bolsa Família 2018

Saiba quando poderá receber e qual será o valor do seu Bolsa Família do ano para auxiliar na sua renda familiar.

O Brasil é um dos países que mais possuem diferenças sociais gritantes, sendo que uma grande parcela desta população vive em situação de baixa pobreza e até de extrema pobreza. Por isso, foi criado pelo governo federal o Bolsa Família programa que realiza transferência de valores para estas famílias. Caso conheça, ou seja, alguém beneficiário do Bolsa Família saiba como consultar o mesmo.

Consulte a Bolsa Família 2018 e fique por dentro de todas as datas para esse ano. O Bolsa Família 2018 está com algumas mudanças para esse ano, confira quais são essas mudanças.

bolsa-familia-2013-consulta

Programa Bolsa Família 2018

O programa Bolsa Família 2018 é um dos que mais beneficiam famílias em todos os estados brasileiros. E quem é beneficiado por esse programa sabe como esse dinheiro que é depositado todo mês faz uma grande diferença na renda familiar e não deixa faltar algumas coisas dentro de casa, das quais faltam muito antes.

E com o Bolsa Família 2018 mais famílias serão beneficiadas. Mas hoje viemos trazer algumas informações sobre esse programa, pois para ficar atualizado sobre o mesmo é necessário fazer a consulta Bolsa Família 2018 onde você obtêm as datas certinhas desse programa.

E consultar o programa Bolsa Família 2018 garante a você todas as informações necessárias sobre o dia em que será depositado o dinheiro, e no site da Caixa você confere todo um quadro desde o mês de Janeiro desse ano até Dezembro com as datas certinhas para cada mês, assim fica mais fácil você ter um controle melhor de quando será depositado em sua conta.

Consultar Saldo do Bolsa Família 2018

As datas do pagamento do Bolsa Família 2018 já se encontram completos e definidos para todas as famílias que são beneficiadas com esse programa. Por isso não deixe de conferir algumas informações sobre e fique de olho em todas as datas para você pode sacar o beneficio em dia e comprar tudo o que esteja precisando.

consultar-saldo-bolsa-familia

Calendário Bolsa Família 2018

Para consultar o calendário do Bolsa Família 2018 basta que você entre no site da Caixa, no site você tem todas as informações necessárias sobre esse programa e consegue ficar por dentro de todos os pagamentos que serão realizados. Atualmente são milhares de famílias que tem o benefício, e caso você queira se candidatar saiba que você pode estar fazendo isso em qualquer agencia da caixa mais próxima de você, entre em contato para você saber quais são os documentos necessários que você precisa. Não perca tempo e realize a sua consulta do bolsa Família para saber se teve reajustes e também consultar as datas de pagamento do seu benefício desse excelente programa que o atual governo mantém, mostrando assim fazer um ótimo trabalho, como também os governos anteriores.

Para receber o benefício, as famílias em contrapartida devem ter suas crianças com as vacinas em dia, principalmente em crianças menores de 7 anos; as gestantes e lactantes devem estar realizando o pré-natal e acompanhamento de sua saúde e do bebê; e os adolescentes precisam estar na escola.