Salário Maternidade Bolsa Gestante – Quem tem direito?

Bolsa Gestante Quem Tem direito?

Todos sabem que ser mãe hoje em dia não é fácil. É claro que tem os seus prazeres, mas existem também os custos e gastos que ser mãe traz. O que muitas mulheres não sabem é que existe um programa do governo que ajuda essas mães financeiramente, como o Bolsa Gestante, do Governo Federal.

auxilio-maternidade

Esse programa Bolsa Gestante e Maternidade tem por escopo observar a mãe e o bebê, desde o pré-natal eficiente, a fim de preservar a saúde de ambos, além de promover a melhor alimentação. É mais uma iniciativa do Governo Federal para melhorar a saúde da população.

Quer saber mais sobre o Salário Maternidade? Então leia o artigo e saiba todas as informações relevantes para que você possa requerer esse benefício tão importante para diversas famílias brasileiras que não estão em condições financeiras plenas e que precisam de uma ajuda para manterem sua dignidade.

 O que é Bolsa Gestante

Você provavelmente esteja se perguntando, mas o que é o Bolsa Gestante? O Bolsa Gestante é um programa que oferece alguns benefícios e aqui você vai entender tudo sobre ele, como quem tem direito, o que este oferece e como se cadastrar.

Para quem não sabe, o Bolsa Gestante Maternidade é parte do Bolsa Família, mas é disponibilizado às mães em período de amamentação (também chamadas de nutrizes) ou grávidas (ou gestantes).

Por isso, existem dois benefícios nesse plano do Bolsa Gestante: o “Variável Gestante”, que dá até 9 parcelas e o “Variável Nutriz”, com até 6 parcelas para as mulheres grávidas e que estão amamentando, respectivamente. Durante esses períodos, seja de gestação ou de amamentação, essas parcelas serão somadas ao pagamento do Bolsa Família mensal, o que pode ser mais uma ajuda ao fim do mês.

Quem tem direito ao Bolsa Gestante Maternidade

Tem direito ao benefício do Bolsa Maternidade, como também é chamado, a mulher grávida ou nutriz que esteja com cadastro ativo no Bolsa Família e registrada no CadÚnico, além de a família ter a renda mensal de 85,01 a 170,00 por pessoa.

É comum também o Bolsa Gestante para gestantes desempregadas há algum tempo e que se enquadrem nessa condição de família em situação de extrema pobreza, ainda que seja momentânea.

Cadastro no Bolsa Família Gestante

Para se cadastrar no Bolsa Família Gestante, você deve seguir as recomendações abaixo assinaladas, quais sejam:

  • Para gestantes:

Para as gestantes que precisem do Bolsa Família Gestante, é necessário ir ao posto de saúde do seu bairro ou município. Após a equipe médica identificar a gravidez e fazer o encaminhamento para o pré-natal, pode-se fazer a solicitação do benefício Bolsa Maternidade do Governo Federal.

Caso você não consiga o Bolsa Gestante, você poderá ainda procurar o CRAS para que essa divisão de assistência social de competência das Prefeituras Municipais te auxilie a resolver o problema.  Você pode pedir o auxílio até o 9° mês de gestação, porém é indicado que se compareça ao CRA o quanto antes para que possa pedir o Bolsa Família Maternidade.

O valor da parcela do benefício BolsaVariável Gestante é de R$ 39,00 mensais por até 9 meses

  • Para Nutrizes:

Se você é nutriz, ou seja, se estiver amamentando o seu filho recém-nascido, é necessário que as mamães vão até o atendimento do Bolsa Família mais próximo de onde moram, que também geralmente é pelo CRA municipal, apresentando a Certidão de Nascimento do recém-nascido, o qual deverá ter no máximo o sexto mês de vida para que se tenha direito ao Bolsa Gestante.

O valor da parcela do benefício Bolsa Maternidade Variável Nutriz é de R$ 39,00e é pago por 6 meses.

Diferentemente do Bolsa Família Variável Gestante, o número de parcelas do pagamento do Bolsa Variável nutriz só vale até os 6 meses da vida da criança.

bolsa-maternidade

Ou seja, se você solicitar o benefício Bolsa Família Maternidade e este for aprovado somente no 4º mês, lhe serão pagas somente 3 prestações (4°, 5º e 6º meses). Já no Bolsa Gestante, independente da data que a gravidez for constatada, você pode ganhar até 9 parcelas do auxílio, desde que esta seja informada o quanto antes, durante a gravidez. Lembrando ainda de que os valores não são cumulativos.

Bolsa Gestante do Governo Federal

Para manter os benefícios, é importante lembrar que a gestante deve comparecer a todas as consultas marcadas pelo Ministério da Saúde, perante o Sistema Único de Saúde – SUS, e que a mãe que amamenta deve participar de atividades educativas marcadas e que envolvem alimentação saudável e amamentação, para todas as beneficiárias do Bolsa Família Gestante.

Como se vê, o Bolsa Gestante do Governo Federal é direito de muitas mulheres que preencham os requisitos, os quais são bem parecidos com aqueles exigidos pelo Bolsa Família.

Desse modo, se você é mãe e está em situação financeira de hipossuficiência, não hesite em pedir o Bolsa Maternidade do Governo Federal o quanto antes.

Bolsa Família Gestante – Valor, Inscrições

Inscrição Bolsa Família para Grávida

Vai ter ou já tem um filho pequeno? Já deve ter se perguntado: “grávida tem direito a algum benefício do Governo Federal?”. Sabia que há um benefício do Governo Federal chamado de Bolsa Família Gestante? O Governo Federal, pensando em proteger a saúde e a vida das mães e das gestantes, possibilita o recebimento de dois benefícios do Bolsa Família para essas pessoas: o Variável Nutriz e o Variável Gestante desde o ano de 2011.

O programa também serve como estímulo para que as mães cuidem melhor de si mesmas e dos seus bebês realizando exames preventivos, pré-natais e outros procedimentos ainda durante a gravidez. O Bolsa Família para Grávidas tem estimulado melhor acompanhamento da gravidez pelas mulheres.

bolsa-familia-gestante

Quando é pago e qual o valor do Bolsa Família Gestante

O Bolsa Gestante do Governo Federal será pago antes, durante e depois do nascimento do seu filho, desde os primeiros meses de gravidez até determinado período da amamentação.

O programa tem a finalidade de contribuir com uma melhor alimentação, tanto em relação às mães como para os recém-nascidos. O Bolsa Família Gestante corresponderá a 9 (nove) parcelas de R$ 35,00 para as mães.

Bolsa Família Gestante Inscrições

Para se cadastrar no Bolsa Família Gestante, primeiramente, a mulher deverá comparecer a uma Unidade de Saúde de Atenção Básica (posto de saúde) do município em que morar e começar o acompanhamento com um médico. Lá, a gestante será encaminhada para realizar o famoso e indispensável exame de pré-natal, objetivando cuidar da saúde da mãe e do bebê.

Depois disso, a futura beneficiária do Bolsa Família maternidade deverá procurar serviços de assistência social do município, levando consigo documentos pessoais e declaração de que está fazendo acompanhamento médico pelo Sistema Único de Saúde – SUS.

Com base nisso, os dados serão cadastrados no Sistema do Bolsa Família para o Governo Federal possa começar a pagar o Bolsa Família Gestante.

gestante-bolsa-familia-gravida-tem-direito-valor

Bolsa Família para recém-nascidos

Depois do nascimento do bebê, as mães também terão direito ao Bolsa Família Variável Nutriz e que poderá ser solicitado perante os serviços assistenciais do seu município. Para que isso aconteça você precisará levar a certidão de nascimento do seu filho. O valor do benefício do Bolsa Família é o mesmo pago às mães gestantes, ou seja, R$ 35,00 e será pago até os 6 (seis) meses de vida da criança.

Mas atenção! O Cadastro para Bolsa Família de Grávidas deverá ser feito desde o nascimento até o 6° mês de vida do seu filho. Caso você não cadastre dentro do prazo, não terá mais direito a esse benefício. Desse modo, se terá um filho ou

Posteriormente, a criança será incluída no Cadastro Único para os Programas do Governo Federal – CadÚnico e as mães continuarão recebendo o benefício do Bolsa Maternidade do Governo Federal.

Não se esqueça de que os requisitos para o Bolsa Família Gestante Governo Federal precisam observar as regras gerais para se ter direito ao Bolsa Família comum, ou seja, tratar-se de pessoas em situação de pobreza extrema.